sexta-feira, 15 de julho de 2011

Blogagem Coletiva - Fases da Vida - Maturidade

O meu coração está comprimido de tanta dor.

 Tive uma infância maravilhosa. Passaram minha adolescência, minha juventude e só agora na maturidade, aos 54 anos é que foi acontecer a maior perda da minha vida, a minha mãe faleceu. Eu sei também que a maturidade não significa apenas que vamos morrer. Vi o meu filho crescer, se tornar pai, agora acompanho o desenvolvimento dos meus netos, o menino com 13 e a menina com 8 anos. Ainda tenho muitos sonhos e a esperança de realizá-los.
Quero pedir desculpas a Rute, Rosélia e Gina, aos meus amigos  seguidores e aos visitantes, por não conseguir, no momento, escrever um texto mais leve retratando a maturidade.

Esta lágrima simboliza o que estou sentindo neste momento. 
O meu coração está de luto, perdi a pessoa de maior importância na minha vida terrena, a minha mãe. Aquela que deixou a sua realização pessoal para acompanhar os seus filhos, a que ficou 3 meses internada em hospital de repouso absoluto, para que uma de suas filhas pudesse nascer, foi quem entregou os seus cuidados diários e sua alma para uma criança que precisou de seu amor e sem egoísmo criou o seu filho caçula, que foi o filho do coração. 
Eu te amo, mamãe e vou te amar sempre.

18 comentários:

  1. Virginia, eu choro contigo neste triste momento de grande dor. Perdi a minha também e é a coisa mais triste que existe. Não vou dizer que vai passar, que o tempo cura tudo, porque não é verdade. A saudade vai amenizando, amenizando, mas a dor não. Reze muito. Foi o que eu fiz. Também vc estará em meus terços. Abraço-a longamente e nesse abraço também está a minha dor pela sua perda! Deus é Pai! Ele proverá tudo para vc.

    ResponderExcluir
  2. Sinto muito, Virgínia, por essa perda.
    Você elencou tanta coisa boa em poucas palavras, que isso já é um conforto. Bom saber que ela passou por essa vida deixando seu legado de boas atitudes.
    Ela está recebendo seu sentimento amoroso no plano espiritual.

    ResponderExcluir
  3. Querida Virgínia, neste momento difícil peço a Deus que te proteja e amenize a sua dor. O amor que vos unia continuará sempre a existir e ultrapassará a barreira física. As lembranças maravilhosas são doces momentos que você recordará por ter vivido aqui na Terra com uma pessoa maravilhosa que é a sua mãe. Ela olhará por você.
    Um longo e carinhoso abraço.

    ResponderExcluir
  4. Que Deus console seu coraçãozinho,Bjs,Ja seguindo.
    http://decorehouse.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Virginia, que Deus a conforte neste momento tão doloroso.
    Meus sentimentos e que Deus dê forças para todos...
    Abraços!!

    ResponderExcluir
  6. Virginia,

    Eu também estou muito triste. Nunca vou me esquecer dela. Nossa última partilha ela participou, com aqueles olhinhos atentos e me dando muita força.
    Sei que sua dor é maior, mas Deus vai lhe dar força.
    Se ele permitir, em breve estaremos juntas e poderei lhe dar um abraço.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, querida Virgínia
    Sei o que está sentindo pois passei essa dor inigualável pela ida do meu pai...
    Deus mesmo seja o seu consolo maior!!!
    Bjs de pesar

    ResponderExcluir
  8. Minhas amigas, obrigada pelas palavras de conforto.

    ResponderExcluir
  9. Meus sentimentos amiga, sei como doí pois perdi minha mãe infelizmente muito cedo (eu tinha só 20 anos) e ficamos, minhas irmãs e eu sem chão.
    Só Deus e meu querido pai, que não nos abandonou por nenhum minuto em todos esses anos, foram os responsáveis pelas mulheres que somos hoje, apesar da falta dela.
    Um beijo no seu coração!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Virginia
    que triste perda!
    Também já passei por isso, sei como dói.
    Um beijo para você.

    ResponderExcluir
  11. Virginia não tem problema nenhum, compreendo a sua dor e nervosismo, e reforço meu comentário anterior dizendo que sinto muito e peço a Deus que te ampare, sei que a dor é grande, mas o tempo ajudará a amenizar seu sofrimento...fique com Deus! Bjs.

    ResponderExcluir
  12. Minhas amigas estou aqui para agradecer todo o carinho e as palavras de conforto que vocês reservaram para mim. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Querida Virginia,
    a blogagem também serve para cuidarmos umas das outras. Receba nosso abraço coletivo virtual para sossegar sua dor.
    Que o nosso amor serene seu sofrimento, tão compreensivel neste momento de perda.
    Um beijo no seu coração.
    Rute

    ResponderExcluir
  14. Obrigada Rute, as vezes penso que esse sofrimento não terá fim. Neste momento estou dilacerada. Sinto-me sufocar. Tenho pedido a Deus que me dê forças para suportar.Vocês estão me ajudando muito. Apesar de não nos conhecermos pessoalmente, sinto que fiz muitas amigas verdadeiras, nesse mundo virtual. Desculpe-me o desabafo. Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Meus sentimentos Virginia, sei a dor que sente, pois já passei por isso. Amanhã fazem dois anos que perdi minha mãe e logo completam 15 anos que perdi meu pai. Acredite, Deus vai confortar seu coração e sua dor com o tempo vai amenizando. A saudade fica, mas vc lembrará dela com carinho e com o mesmo amor de hoje, porém sem essa dor que agora fere seu coração. Desejo que Deus possa te iluminar imensamente, trazendo paz para seu coração. Um abraço e muita luz à vc.

    ResponderExcluir
  16. Olá Fofecel, mais uma amiga a me consolar! Obrigada. É bom saber que a dor vai amenizando, no momento parece que não vai passar nunca. Beijos.

    ResponderExcluir
  17. Sinto muito!
    Que Deus te abrace neste momento para um conforto em seu coração!!
    Paz e bem

    ResponderExcluir
  18. Obrigada, Bel. O que está me segurando é a fé que tenho em Deus. Beijos.

    ResponderExcluir

O Arte Livre Vimajê fica muito feliz com o seu comentário.
Quando a curiosidade mata um gato. Não me deixe morrer. Muito obrigada pela gentiliza. Abraços.

Related Posts with Thumbnails